O projeto consiste na manutenção constante de um acervo digital bilíngue (Libras/Língua Portuguesa), que é hospedado em uma plataforma online, gratuita e institucionalizada. Nela são inseridos vídeos de sinais em Libras já validados – e materiais complementares –, relacionados às áreas de avaliação estabelecidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), como Ciências Humanas e da Saúde, assim como temáticas importantes para o âmbito educacional e a sociedade em geral, como Meio Ambiente e COVID-19.

Segundo o Censo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) de 2019, existem cerca de 38.000 estudantes surdos matriculados em escolas brasileiras, sendo que aproximadamente 90% deles utilizam Libras como língua principal.
A iniciativa surgiu como produto da pesquisa de mestrado da aluna Michele Ferreira, que atualmente é tradutora/intérprete de Libras da universidade, durante o Curso de Mestrado Profissional em Diversidade e Inclusão (CMPDI), concluído em 2019. Em 2020, ela propôs uma parceria com o projeto de pesquisa e extensão Libras, Linguística e Divulgação (LiLinDiv), que coleta informações dos sinais em Libras validados de diversas áreas de conhecimentos, divulgando as pesquisas em plataformas, e que tem a coordenação da professora Tathianna Dawes do Departamento de Ensino Superior em Libras. Desse encontro, nasceu a Plataforma de Libras Acadêmica, também sob a coordenação da professora, que é surda.

Link de acesso à plataforma: http://librasacademica.uff.br

Fonte: https://www.uff.br/?q=noticias/25-04-2023/uff-cria-plataforma-para-fortalecer-inclusao-da-lingua-brasileira-de-sinais-

Card digital de fundo acinzentado letras pretas e brancas
Do lado esquerdo o desenho estilizado de um bonequinho em azul dentro de um círculo branco e um retângulo azul com braços abertos (que significa atalho de acessibilidade) 
Ao centro dentro de um retângulo azul: a o desenho de um computador em branco e fundo amarelo onde está escrito: Plataforma Libras Acadêmicas UFF
Do lado direito o símbolo de acessível em libras e outros sinais
Na base: plataforma libras acadêmica UFF.

AUTISMO EM DEBATE NA UFF

O 5º Simpósio de Autismo da UFF será realizado de forma híbrida O 5º Simpósio sobre Autismo da UFF (SAUFF): Suporte escolar e social para o TEA acontece de 01 a 04 de fevereiro, na Sala Nelson Pereira dos Santos, em São Domingos, Niterói. O tema desta edição do SAUFF são os grandes desafios para o...

ler mais
UFF discute políticas públicas de acessibilidade e inclusão com o Ministro de Direitos Humanos e Cidadania e a Secretária Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência

A reunião resultou no encaminhamento para a criação de um grupo de trabalho entre a Secretaria Nacional, a Comissão Parlamentar de Pessoas com Deficiência e a UFF, para estruturar uma política pública nacional sobre formação e qualificação em inclusão e acessibilidade. O reitor da Universidade...

ler mais
UFF oferece 464 vagas para pessoas com deficiência no Sisu

Esse é o sétimo ano que a UFF reserva vagas para PcD Estão abertas até o dia 24/02 as inscrições para o primeiro processo seletivo de 2023 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).  Nesta edição para o 1º semestre letivo, a UFF está ofertando 4.874 vagas em 122 opções de cursos de graduação,...

ler mais

© Copyright 2023. Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão UFF - Todos os direitos reservados.

Skip to content